Conjunto de boas práticas no acesso a dados

Com freqüência recebo diversos emails de amigos que estão implementando alguma solução na plataforma .NET Framework. Hoje eu recebi um que tratava sobre a criação de uma classe para acesso a dados. Bem ele descreveu todo o crescimento do projeto dele e até que tava pensando em usar ODBC para escrever um código mais genérico para vários banco de dados. De imediato eu esclareci para ele que uma das grandes facilidades do ADO.NET é o acesso nativo a SQLServer / Oracle e outros providers personalizados que já foram criados. Com esse modelo nativo você já tem enormes ganhos de peformace na aplicação porque não usa intermediários para se comunicar com o banco de dados. Voltando o tema eu comentei sobre o padrão abstract factory que ajudaria ele durante a implementação de uma classe genérica para acesso a dados usando o DbProviderFactory.

A idéia é se você está partindo para esse tipo de implementação que consulte antes o Enterprise Library 4.0 que já traz um conjunto de boas práticas na implementação de classes para acesso a dados. Para um passo mais a frente fique atento no Entity Framework que vai oferecer um modelo genérico também de acesso a dados usando toda a estratégia do LINQ (Language Integrated Query) permitindo o mapeamento objeto relacional.

[],

Ramon Durães
Software Engineer, MVP
2PC Professional Consulting
http://www.2pc.com.br